exposição surtout des vagues / sobretudo ondas – residências coop

———————————————————————————————————————————————————————

2012 / exposição “surtout des vagues / sobretudo ondas” / residências coop / lisboa – pt 

———————————————————————————————————————————————————————

.photodivulgationsofi

.

SOBRE O PROJETO

.

“surtout des vagues / sobretudo ondas” é um projeto colaborativo (em processo), desenvolvido por Érica Zíngano e Sofi Hémon, e não tem uma forma definida. Se pensássemos na ressaca do mar, sua matéria seria semelhante a da espuma, mas não podemos deixar de lado a oscilação e outros fatores que se impõem. Há, de início, a importância do encontro, do diálogo, da correspondência e da troca – entre duas línguas partilhadas e os abismos que guardam, de uma para outra, em cada ato de fala ou gesto de escrita e as suas tentativas muitas vezes falhadas de tradução, isto é, um modo de se tocar, uma forma de estabelecer uma compreensão mútua; diferentes procedimentos de criação vão gerando formas no espaço, durações no tempo. Os elementos recolhidos são fragmentários e podem evidenciar etapas do processo: desdobram-se e multiplicam-se, abrindo lugar para  também acolher o diverso. Os textos, as imagens, os vídeos, as instalações nascem pelo desejo de encontrar respiração, criar ritmos no corpo, nos círculos do mundo.

.

IMAGENS RESIDÊNCIA/MONTAGEM

.

.

IMAGENS EXPOSIÇÃO

Este slideshow necessita de JavaScript.

.

FOLHA DE SALA EXPOSIÇÃO [ver pdf]

.

IMAGENS TRABALHOS (Érica Zíngano)

“DURANTE A NOITE / AO LONGO DO DIA”

Instalação

.

“AO LONGO DO DIA / DURANTE A NOITE”

Brochura

Este slideshow necessita de JavaScript.

.

“SOB O CÉU DE LISBOA”

Vídeo

.

.

Frames do vídeo

Este slideshow necessita de JavaScript.

.

“JE TU IL ELLE AUTRE-MENT”

Fotografias / Registro performance

Este slideshow necessita de JavaScript.

.

.

CONVITE

convitecoop_op

Abertura nas Residências Coop
Quinta-feira, 13.DEZ.2012 | 22h

/////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////

Érica Zíngano e Sofi Hémon

“surtout des vagues / sobretudo ondas”

Ana Marreneca e Rita Isaac
Sem saber Só Existo

André Borges, Diana Gonçalves, Elias Gato e Susana Wessling
D’avant Stradivarius

/////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////

Exposição
Sexta (14.DEZ), Sábado (15.DEZ) e Domingo (16.DEZ) | 11h – 20h

/////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////

Residências Coop
Rua Garrett, 60, loja 31 | Lisboa – PT

mais informações: [http://www.facebook.com/ResidenciasCoop]

/////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////

Opening at Residências Coop
Thursday, 13.DEC.2012 | 10pm

/////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////

Érica Zíngano e Sofi Hémon
“surtout des vagues / sobretudo ondas”

Ana Marreneca e Rita Isaac
Sem saber Só Existo

André Borges, Diana Gonçalves, Elias Gato e Susana Wessling
D’avant Stradivarius

/////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////

Exhibition
Friday (14.DEC), Saturday (15.DEC) and Sunday (16.DEC) | 11am – 8pm

/////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////

Residências Coop
Rua Garrett, 60, loja 31 | Lisboa – PT

more informations: [http://www.facebook.com/ResidenciasCoop]

/////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////

.

BIOGRAFIAS

.

Érica Zíngano, 1980, Brasil.

É poeta e também desenvolve trabalhos em artes visuais, explorando diferentes relações entre a palavra, a linguagem, e o espaço, o lugar. Desde 2011, vive em Lisboa, onde pesquisa, no Doutoramento em Literatura da Universidade Nova, as traduções de Maria Gabriela Llansol. Participou de algumas antologias e vem publicando, com certa regularidade, poemas e textos em diversas revistas e sites. Com Renata Huber e Roberta Ferraz, publicou o livro fio, fenda, falésia (São Paulo: Ed. das Autoras, 2010), através do prêmio ProAC-2009, da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo. Atualmente, em parceria com a artista portuguesa Alexandra Ramires [http://otrabalhodaxa.blogspot.pt/], tem feito pequenas publicações artesanais e semi-artesanais, como o livro de apenas 10 exemplares Pé-de-cabra ou rabo de saia – eis uma dúvida cruel! (Lisboa: Ed. das Autoras, 2012), com apoio da Oficina do Cego, Associação Gráfica de Lisboa.

[https://mileumanotas.wordpress.com/]

.

Sofi Hémon, 1962, França.

É artista plástica. Ela vive e trabalha em Morangis, nos arredores de Paris. Entre 2000 e 2008, foi convidada para ir ao Brasil, participar de um ciclo de exposições. Em seus trabalhos, ela mistura diferentes formas artísticas, varia as técnicas e as colaborações. Em 2010, inaugurou em seu ateliê com Pavel Ka o projeto L o l i g o ® um espaço de pesquisa e intervenção que prioriza a produção e a exposição de obras experimentais dos artistas participantes. Ela trabalha, com o músico Ollivier Coupille, em um dispositivo sonoro e uma instalação, “Bethos & Piezopodes”, e em um outro processo de escoamento de sons e imagens, os “Vidéaudios”. Desde 2011, desenvolve com a vídeo-artista americana Angie Eng um projeto de instalação vídeo-performativa, “Morphic Resonance”. Esse dispositivo maleável e evanescente abriu o festival de performance FRASQ, no Le Générateur, em Gentilly, em 2012.

[http://www.sofihemon.net]
[http://www.loligo.tm.fr]